Indicadores Econômicos

  • Taxas de Juros

      
Taxas de juros de operações de crédito
ver taxas
Taxa Selic - Meta 6,50%
Reunião Copom: 20/6  
atas Copom
Taxa Selic Diária 6,40%
18/7
 
mais detalhes

Poupança

Remuneração para depósitos em
18/7/2018 0,3715% a.m.
mais detalhes

Inflação

Meta 2018 4,5 ± 1,5 p.p.
Acumulada 4,39
(período de 12 meses - IPCA)
ver histórico

Câmbio

Dólar EUA compra venda
18/7 (PTAX) 3,8468 3,8474
19/7-11:00 3,8908 3,8914
euro
18/7 (PTAX) 4,4792 4,4803
19/7-11:00 4,5114 4,5132
mais moedas

 

Fonte: Banco Central do Brasil

(Atualização 19/7/2018)

 

Relatório aponta desequilíbrio na distribuição de toda riqueza gerada no mundo

 

Às vésperas do início dos debates da reunião anual do Fórum Econômico Mundial, que reúne representantes das nações e trata dos aspectos econômicos do mundo capitalista, foi lançado o relatório “Recompensem o trabalho, não a riqueza”, pela Oxfam*.

 

O relatório, com dados contundentes, revela como a economia global possibilita que uma ínfima parcela da elite econômica acumule vastas fortunas, enquanto milhões de pessoas lutam para sobreviver com baixos salários e em condições precárias de trabalho e de vida.

 

Segundo apontou o relatório:

 

  • De toda a riqueza gerada no mundo em 2017, 82% foi parar nas mãos do 1% mais rico do planeta;
  • No outro extremo, a metade mais pobre da população global – 3,7 bilhões de pessoas – não ficou com nada da riqueza gerada no mesmo período;
  • No Brasil, não é muito diferente. Hoje temos cinco bilionários com patrimônio equivalente ao da metade mais pobre do país, chegando a R$ 549 bilhões em 2017 – 13% maior em relação ao ano anterior;
  • Ao mesmo tempo, os 50% mais pobres do Brasil tiveram sua riqueza reduzida no mesmo período, de 2,7% para 2%.

 

O cenário internacional consolida a concentração de riqueza nas mãos de poucos e crescimento da pobreza para a grande maioria dos seres humanos.

 

Para maiores informações ACESSE AQUI o resumo do relatório obtido em https://www.oxfam.org.br/assim-nao-davos

 

* a Oxfam surgiu em 1942 e se tornou umas das organizações não governamentais internacionais líderes no trabalho de ajuda humanitária para pessoas em situações de emergência no mundo. Hoje, é uma confederação de 20 organizações presentes em 94 países e que atuam pela redução da pobreza, erradicação da fome e das desigualdades.

 

Rio de Janeiro, 25 de janeiro de 2018.

 

 

 

     

          

UFRJ PR3 - Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento
Desenvolvido por: TIC/UFRJ